Última actualização:

Os responsáveis por este site escrevem com a antiga ortografia

Calendário de provas oficiais para 2019

RESULTADOS NA HORA
As provas de regularidade organizadas ou dirigidas por árbitros dos quadros do B4F passam, a partir de agora, a ter os resultados (classificação e frequências) disponíveis a partir do momento em que o torneio termina. Para provas maiores (festivais e afins) os resultados poderão ser visualizados à medida que a prova decorre. No quadro abaixo disponibilizamos o nome da prova e a respectiva ligação para o acesso. Neste quadro constarão os resultados até à sua passagem para os locais habituais de consulta.
TORNEIO
DATA
LIGAÇÂO
Torneio B4F integrado nos simultâneos nacionais Segunda-feira, 15 de Julho de 2019 Resultados

INSCRIÇÕES ONLINE


DESTAQUES
"
As boas ideias não têm idade. Apenas têm futuro"
Robert Mallet

SISTEMAS ONLINE

TORNEIOS B4F INTEGRADOS NOS SIMULTÂNEOS NACIONAIS

Às 2ª feiras, com início às 21h nas instalações do CMN localizadas na Av Defensores de Chaves, nº 26 (do lado esquerdo de quem sobe a avenida em direcção ao Saldanha).

Lá vos esperamos!


SIMULTÂNEOS NACIONAIS

Histórico de classificações acumuladas anuais
2014
2013
2012
2011
2010
2009
Clube
Clube
Clube

RESULTADOS E FREQUÊNCIAS INDIVIDUAIS E POR CLUBES

Classificação acumulada
 
 

TOME NOTA...
 
Provas oficiais
Para mais informações da actividade da ARBL visite a página online.
 

Provas com prestação serviços B4F/QN
 
Torneios EB/B4F

15 Julho de 2019, CMN, 21h

   Inscrições      Lista de inscritos   


 

Clube de Bridge dos Engenheiros - Troféu 2019
Prova 7
Ordem dos Engenheiros - Lisboa

Quarta-feira, 17 de Julho, 21h
Prova limitada a 32 pares

   Inscrições      Lista de inscritos   
 
Provas de clubes e festivais
 

VII prova circuito Bridge na Linha
IASFA, 20 Julho 2019, 15h30

   Inscrições      Lista de inscritos   

 

 

 

Torneio Pares do Clube Bridge do Baleal

Baleal, 27 Julho de 2019, 15h30

   Inscrições      Lista de inscritos   


 

23º OPEN INTERNACIONAL DE BRIDGE DOS AÇORES
2019
PONTA DELGADA
1 a 6 de Outubro

PROGRAMA (PROGRAM)

Pares
Pairs
Pares transnacional <30
Pairs <30
Equipas
Teams
 

NOTÍCIAS


Com a participação de 22 equipas decorrer no Baleal o habitual torneio anual do Clube Bridge do Baleal. Desta vez o Sol decidiu não comparecer, mas a festa aconteceu na mesma. A formação capitaneada por Ana Luísa Brito, constituída ainda por Rita Arraiano, José Nuno Moraes e Paulo Gonçalves Pereira venceu, seguida pelas formações comandadas por Xana Rosado e Pedro Fonseca Matos. Toda a informação em Classificação

No seguimento do artigo que publiquei relativo à participação portuguesa no Campeonato da Europa de Juniores recebi do Presidente da FPB um pedido de publicação de um artigo que apelidou de "Direito ao Contraditório" e que podem consultar por este link.

Terminou o Campeonato da Europa de Juniores que decorreu em Oslo. A selecção nacional composta por Carolina Pimenta, José Nuno Moraes, Miguel Álvares Ribeiro e Miguel Ferreira e capitaneada por António Palma terminou no penúltimo lugar, um lugar abaixo do alcançado em 2017. A Suécia revalidou o título que detinha na categoria de U26 e a Holanda venceu na categoria de U21. De resto nos lugares de topo foram-se repetindo os suspeitos do costume. A formação nacional, para além da enorme diferença qualitativa que a separa dos melhores, foi forçada a jogar toda a prova com apenas 4 jogadores o que ajuda a explicar o resultado negativo que obteve. E regressamos ao tema recorrente do investimento na formação onde continua a estar tudo por fazer. Um programa sério de captação e formação de novos praticantes não pode resignar-se com medidas mais ou menos avulsas e com a canalização dos parcos recursos existentes para acções de curto prazo, sem qualquer projecto de continuidade. Uma real aposta na formação tem de ser um investimento de médio-longo prazo, com um programa pedagógico consistente e exigente e que não pode ser deixado ao sabor do livre arbítrio de cada um. Se é certo que são poucos os recursos, não é menos verdade que falta também vontade política e liderança para a implementação de um projecto promovido à condição de prioritário. Ou se encara de uma vez por todas este desafio ou o bridge está condenado a definhar. Podem aceder à informação do Campeonato em Classificação

Está a decorrer o habitual Torneio Primavera organizado pelo CBL SA que conta com a participação de 20 equipas. A prova será disputada em round robin com 19 encontros de 8 mãos. Toda a informação em Classificação




Fernando Pombo e Luis Oliveira venceram o XXVI torneio B4F da época 2019 integrado nos simultâneos nacionais e disputado nas instalações do Clube Militar Naval no passado dia 8 de Julho. Na prova participaram 16 pares. Luis Ahrens Teixeira comanda o acumulado anual. António Bandeira Neves venceu o acumulado do mês de Junho. Toda a informação em Classificação

A formação capitaneada por Alexandre Baptista e constituída ainda por Cassilda Baptista, Isabel Sarmento, Manuela Manso, Miguel Sarmento e João Vieira sagrou-se campeã nacional de equipas de 2ª categorias. Na prova participaram 6 equipas (!) o que nos transporta de novo para a necessidade de repensar o calendário competitivo. Para termos uma ideia, no ranking de 2018 existiam 982 praticantes licenciados, 99 dos quais classificados em 1ª categoria. Se a estes juntarmos os 19 praticantes com categorias de honra existem 864 praticantes licenciados habilitados a participar nas provas de 2ª categoria. As razões que afastam estes praticantes das provas específicas para a sua posição no ranking é um assunto que deve merecer reflexão. Certo é que, a manter-se este cenário, nenhuma razão existe para "queimar" fins-de-semana e recursos federativos para continuar a insistir numa prova que os praticantes preferem ignorar.

Rui Pinto e Juliano Barbosa venceram o torneio Cidade de Coimbra 2019. Na décima edição da prova, Sofia Pessoa - João Paes Carvalho e Bruna Vicente - Rui Silva Santos classificaram-se na segunda e terceira. Jogado nos dias 29 e 30 de Junho, a prova contou com participação de 36 pares. Toda a informação por esta ligação. Classificação


Terminaram em Istambul os IX Campeonatos da Europa Open. Na prova de equipas mistas os portugueses presentes não conseguiram o apuramento para a fase de knock out. Na prova de equipas BAM, António Palma e Carolina Pimenta conseguiram um brilhante 7º lugar, com Maria João Lara e Manuel Capucho na 17ª posição entre as 40 formações em prova. Na prova de pares mistos Maria João Lara e Manuel Capucho terminaram na 34ª posição na final A. Parabéns! Na prova de equipas Open os portugueses presentes não foram felizes: António Palma na equipa Ventin e a formação capitaneada por Miguel Teixeira não conseguiram o apuramento para a fase de knock out. Nas equipas Seniores também a formação comandada por Rui Pinto ficou fora da fase final, depois de ter comandado a fase de apuramento durante uma boa parte da prova, onde terminou na 11ª posição. Na prova de pares o António Palma terminou num brilhante 14º lugar, conquistando mais uma posição de relevo. Parabéns Ruca! Toda a informação em Classificação

Paulo Plantier - João Almeida Lima venceram a sexta prova do Circuito Bridge na Linha 2019. Rui Ralha - Pedro Souto e Eugénia Davim - Sofia Alves classificaram-se na segunda e terceira posição. Na prova participaram 25 pares sob a direcção de Carlos Ferreira. Toda a informação pode ser consultada por aqui Classificação


Foi actualizada a página informativa dos festivais em Espanha onde participam, habitualmente, vários pares portugueses. Toda a informação em Classificação


Terminou o Campeonato Regional Equipas de Clube de Lisboa, segunda divisão, com a vitória da formação representativa do Belenenses, capitaneada por Gonçalo Botelho e composta ainda por Alberto Nobre, João Bayam, João Fanha, José Júlio Nunes e Kevin Peeters. As formações do Planeta, de Paulo Dias, e Sem Trunfo, de Francisco Costa-Cabral terminaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Ascendem à primeira divisão o Belenenses e o Planeta. Na primeira divisão, a vitória coube à formação representativa do Clube Bridge Baleal, capitaneada por Jorge Cruzeiro e composta ainda por Carlos Galvão Lucas, Carlos Pimenta, João Paes Carvalho, Jorge Monteiro Santos, Pedro Matos e Rui Silva Santos. As formações da Associação Viviane Gonçalves Pereira e Clube Bridge Engenheiros terminaram no segundo e terceiro lugar. Descem à segunda divisão o Sem Trunfo e o Clube Nacional Ginástica. Toda a informação nos quadros abaixo.


A equipa capitaneada por Paulo Gonçalves Pereira e composta ainda por Sofia Pessoa, João Paes Carvalho, Paulo Dias e Rui Silva Santos venceu a I edição do Campeonato Regional Equipas Board-a-Match que contou com a participação de 8 formações, sob a direcção de Frederico Palma. As formações comandadas por Luis Oliveira (Ana Magalhães Pereira, Bé Oliveira, Carlos Ferreira, José Moraes e Pedro Durão) e Maria João Lara (Acácio Figueiredo, Jorge Castanheira, José Dias, Manuel Capucho, Paulo Cruz e Paulo Dias) classificou-se na segunda e terceira posição, respectivamente. Toda a informação em Classificação

António Palma conseguiu, de forma espectacular a dobradinha na prova Sul-Americana de Mar del Plata. Na prova de pares com o chileno Joaquin Pacareu e na prova de equipas integrado na equipa Ventin. A vitória nas equipas foi arrancada a ferros na última mão e define bem a diferença que distingue os campeões dos restantes. Para quem não conseguiu seguir o evento no BBO pode consultar os arquivos do Vugraph. O bridge é um jogo fantástico e um desafio intelectual único. Numa época em que o bridge nacional se afunda em questiúnculas menores, a caminhada do Ruca nas altas esferas do bridge internacional é também um bálsamo para as dores de todos aqueles que mais não querem que usufruir do prazer de jogar bridge, que querem vibrar com as vitórias e aceitar as derrotas com fair play e com respeito pelos adversários. Que a imensa maioria dos que assim se reconhecem nestes valores saibam combater os poucos que os pretendem destruir. Ao Ruca, pelas suas vitórias mas também pelo seu exemplo, as nossas sinceras felicitações e o nosso agradecimento.

A equipa representante da AVGP sagrou-se campeã nacional equipas de clubes. Paulo Gonçalves Pereira, Sofia Pessoa, Jorge Castanheira, José Dias e Pedro Morbey. As formações representantes do CDUP e Centro Bridge da Bairrada terminaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Descem à 2ª divisão as formações do Clube Bridge Engenheiros e do CN São Vicente. Na prova participaram 8 equipas. Toda a informação por aqui Classificação
Na prova referente à 2ª divisão, garantiram a subida à 1ª divisão os representantes do Clube Bridge Baleal e do Sem Trunfo, Toda a informação por aqui Classificação


Ana Luísa Brito - Paulo G. Pereira, na linha Norte-Sul, e Teresa Kay - António Lopes, na linha Este-Oeste, venceram o sexto torneio do troféu 2019 do Clube de Bridge dos Engenheiros. A prova jogada no dia 5 de Junho contou com a participação de 21 pares. Toda a informação por esta ligação. Classificação



Carlos Pimenta e Carlos Galvão Lucas venceram a prova de pares do Grande Prémio de Portugal 2019. Sofia Pessoa - Nuno Paz e Paulo Gonçalves Pereira - José Nuno Moraes ficaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Na prova participaram 56 pares, sob a direcção de António Eanes e Luís Oliveira. Toda a informação em Classificação

A formação capitaneada por Sofia Pessoa e composta ainda por João Paes Carvalho, José Nuno Moraes e Paulo Gonçalves Pereira venceram a prova de equipas do Grande Prémio de Portugal 2019. As formações capitaneadas por Paulo Dias e Miguel Lima terminaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Na prova participaram 23 equipas, sob a direcção de António Eanes e Luís Oliveira. Toda a informação em Classificação

A formação do Clube Bridge do Baleal capitaneada por Jorge Cruzeiro e composta ainda por Carlos Galvão Lucas, João Paes Carvalho, Jorge Monteiro Santos, Manuel Oliveira e Rui Silva Santos sagrou-se campeã regional de equipas. As nove formações que participaram na final A estão apuradas para o Campeonato Nacional. A direcção da prova esteve a cargo de Frederico Palma.


Devido aos problemas técnicos ocorridos no Campeonato Regional de Pares por IMP's foi repetida a final B da competição. Veja por aqui os resultados finais Classificação

António Palma e Paulo Dias sagraram-se campeões nacionais de pares. Manuel Oliveira - João Paes Carvalho e Rui Silva Santos - Paulo Gonçalves Pereira terminaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Na prova participaram 47 pares sob a direcção de António Eanes. Toda a informação por aqui Classificação


Juliano Barbosa - Inocêncio Araújo sagraram-se campeões nacionais de pares seniores. Francisco Costa Cabral - Carlos Galvão Lucas e Acácio Figueiredo - João P Rocha Pinto terminaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Na prova participaram 21 pares sob a direcção de Pedro Álvares Ribeiro. Toda a informação por aqui Classificação


Terminaram em Memphis os Campeonatos Norte-Americanos que reuniram muitos dos melhores praticantes do Mundo. A equipa do António Palma caiu nos oitavos de final frente à formação Lavazza. Não sendo seguramente o resultado que todos desejávamos, é mais prestação muito positiva do nosso jogador que dá continuidade à sua brilhante carreira internacional. Parabéns Ruca! Toda a informação por esta ligação.



Paulo Gonçalves Pereira e Jorge Cruzeiro venceram o Torneio de Córdoba que levou à cidade espanhola 7 pares nacionais, 4 dos quais classificados nos 10 primeiros lugares. Na prova participaram 70 pares. Toda a informação em Classificação Siga por aqui os resultados dos principais festivais em Espanha.

José Belmar e Luis Reynolds conquistaram o título de campeões regionais de pares. Fernando Fonseca Santos - Jorge Castanheira e Carlos Ferreira - Luis Oliveira terminaram na 2ª e 3ª posição, respectivamente. A prova contou com a participação de 21 pares sob a direcção de Frederico Palma. Toda a informação por aqui

Terminou a fase de apuramento do Campeonato Equipas Open da ARBL. As 3 primeiras classificadas de cada série irão participar na final A, as restantes equipas disputam a final B. Para além de determinar a formação campeã regional, a final A servirá ainda para designar as representantes da ARBL no Campeonato Nacional. A final B servirá para ordenamento na classificação final. A direcção da prova está a cargo de Frederico Palma.


A equipa capitaneada por Mariana Leitão e composta ainda por Rita Russo, Francisco Pereira Gonçalves e João Barbosa venceu de forma convincente o Campeonato Nacional Equipas Mistas, derrotando na final a formação comandada por Luis Oliveira. Na terceira posição classificou-se a formação comandada por António Palma. A prova contou com a participação de 14 equipas, divididas em duas séries, sendo apuradas as duas primeiras classificadas de cada série para as meias-finais. A prova foi dirigida por Pedro Álvares Ribeiro. Toda a informação por aqui Classificação

Humberto Melo e Miguel Silva venceram o campeonato nacional de pares de 2ª categorias. Pedro Souto - Rui Ralha e Francisco Costa - João Fatal terminaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Na prova participaram 26 pares sob a direcção de Luís Oliveira. Toda a informação por aqui Classificação


A Suécia venceu os Campeonatos Europeus de Equipas Mistas com um desempenho fantástico. A equipa apresentou-se com apenas 4 jogadores, todos eles muito jovens (média de idades de 23 anos) e com a mais nova jogadora de toda a prova, Sanna Clementsson, com apenas 18 anos. Simon Ekenberg, Ida Gronkvist e Mikael Gronkvist foram os restantes elementos de uma equipa que, desde o início, se mostraram como um dos grandes favoritos à vitória. A vitória de uma equipa tão jovem numa competição internacional deste nível constitui ainda uma importante contribuição para a divulgação da modalidade entre os jovens. Nos restantes lugares do pódio ficaram a surpreendente Letónia, que durante vários momentos da competição se encontrou no primeiro lugar e a experiente França, com muitas figuras da primeira linha linha do bridge mundial. Quanto a Portugal, a equipa teve um começo desastroso mas foi conseguindo recuperar ao longo da competição, terminando na 20ª posição o que não sendo um lugar extraordinário acabou por ser uma participação bastante digna. Finalmente uma palavra para a FPB que conseguiu, no curto espaço de tempo que lhe foi disponibilizado, organizar com grande sucesso este evento e receber o reconhecimento quer das entidades oficiais, quer dos participantes. A todos os que contribuiram para este resultado, dirigentes, operadores de vugraph, caddies, operadores de duplicações aqui deixamos a merecida referência. Parabéns! Na página da EBL (European Bridge League) podem aceder-se aos boletins diários, resultados e sistemas de marcação Classificação

Maria João Lara e Manuel Capucho venceram o campeonato nacional de pares mistos. Mariana Leitão - João Barbosa e Sofia Alves - Jorge Castanheira terminaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Na prova participaram 38 pares sob a direcção de Pedro Álvares Ribeiro. Toda a informação por aqui Classificação


José Júlio Curado conseguiu o grau de árbitro internacional da European Bridge League com a classificação de A+. O curso e exames respectivos decorreram em Antália, Turquia, de 6 a 10 de Fevereiro.. Toda a informação sobre o curso e as classificação final pode ser consultada por aqui Classificação


António Palma de parceria com Frederic Wrang classificou-se em quarto lugar no torneio de pares do torneio Cavendish do Mónaco jogado na semana de 3 a 8 de Fevereiro. Com este resultado, António Palma continua a demonstrar internacionalmente a categoria a que já nos tinha habituado nas participações nacionais. Toda a informação pode ser consultada por aqui Classificação


Torneio de Pares por IMP da ARBL. Foram validados e considerados definitivos os resultados da fase de apuramento e da Final A. Francisco Costa Cabral e Jorge Monteiro Santos foram os vencedores, seguidos por João Paulo Rocha Pinto - Acácio Figueiredo e Jorge Castanheira - José Dias, na segunda e terecira posição, respectivamente. No que respeita à Final B a prova será repetida em data a divulgar oportunamente. Pode consultar o comunicado da ARBL sobre as ocorrências desta prova por aqui


Diagrama das mãos
 Sessão 1   Sessão 2   Sessão 3   Sessão 4 

Bé Oliveira e Xana Rosado revalidaram o título nacional de pares femininos. Mariana Leitão - Rita Russo e Isabel Fonseca - Sylvie Langlitz terminaram na segunda e terceira posição, respectivamente. Na prova participaram 16 pares sob a direcção de Luis Oliveira. Toda a informação por aqui Classificação


João Paes Carvalho e Paulo Gonçalves Pereira venceram a 10ª prova do challenger Viviane Gonçalves Pereira. Luis Ahrens Teixeira - Fernando Pombo e Fátima Alves - José Nuno Moraes classificaram-se na segunda e terceira posição, respectivamente. Sob a direcção de Ana Luísa Brito participaram na prova 29 pares. Toda a informação por aqui Classificação


Carolina Pimenta e António Palma venceram o Torneio de Abertura da ARBL que contou com a participação de 37 pares. Juliano Barbosa - Acácio Figueiredo e Sofia Pessoa - João Paes Carvalho terminaram na 2ª e 3ª posição, respectivamente. A prova foi arbitrada por Frederico Palma. Toda a informação pode ser consultada por aqui Classificação