Página de provas internacionais
Últimas actualizações:

Campeonatos do Mundo

Federações Europeias

HISTÓRICO

Época 2019

A Suécia venceu os Campeonatos Europeus de Equipas Mistas com um desempenho fantástico. A equipa apresentou-se com apenas 4 jogadores, todos eles muito jovens (média de idades de 23 anos) e com a mais nova jogadora de toda a prova, Sanna Clementsson, com apenas 18 anos. Simon Ekenberg, Ida Gronkvist e Mikael Gronkvist foram os restantes elementos de uma equipa que, desde o início, se mostraram como um dos grandes favoritos à vitória. A vitória de uma equipa tão jovem numa competição internacional deste nível constitui ainda uma importante contribuição para a divulgação da modalidade entre os jovens. Nos restantes lugares do pódio ficaram a surpreendente Letónia, que durante vários momentos da competição se encontrou no primeiro lugar e a experiente França, com muitas figuras da primeira linha linha do bridge mundial. Quanto a Portugal, a equipa teve um começo desastroso mas foi conseguindo recuperar ao longo da competição, terminando na 20ª posição o que não sendo um lugar extraordinário acabou por ser uma participação bastante digna. Finalmente uma palavra para a FPB que conseguiu, no curto espaço de tempo que lhe foi disponibilizado, organizar com grande sucesso este evento e receber o reconhecimento quer das entidades oficiais, quer dos participantes. A todos os que contribuiram para este resultado, dirigentes, operadores de vugraph, caddies, operadores de duplicações aqui deixamos a merecida referência. Parabéns! Na página da EBL (European Bridge League) podem aceder-se aos boletins diários, resultados e sistemas de marcação

José Júlio Curado conseguiu o grau de árbitro internacional da European Bridge League com a classificação de A+. O curso e exames respectivos decorreram em Antália, Turquia, de 6 a 10 de Fevereiro.. Toda a informação sobre o curso e as classificação final pode ser consultada por aqui

António Palma de parceiria com Frederic Wrang classificou-se em quarto lugar no torneio de pares do torneio Cavendish do Mónaco jogado na semana de 3 a 8 de Fevereiro. Com este resultado, António Palma continua a demonstrar internacionalmente a categoria a que já nos tinha habituado nas participações nacionais. Toda a informação pode ser consultada por aqui